Visitas totais: 19371245

COLUNA POSTADA POR:

Hospital Nossa Senhora da Conceição

E-mail: comunicacao@hnsc.org.br

Fone/fax: (48) 3631.7010

COLUNAS

HNSC oferece consultas de retorno ao Banco de Leite Humano

19/06/2015

 
Hoje foi dia de consulta de retorno às mães e seus bebês, nascidos na maternidade do Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC). Feita por uma equipe de enfermagem, a avaliação ocorre, gratuitamente, todas as terças e quartas-feiras. A instituição, que chega a realizar mais de dois mil nascimentos ao ano em sua maternidade, é referência na região sul do Estado, sendo a única a contar com um Banco de Leite Humano (BLH). Responsável por auxiliar as mães com dificuldades em amamentar e fornecer o leite materno aos recém-nascidos – o setor registrou, no último mês, 483 atendimentos, inclusive de consultas de retorno. 
            A enfermeira Gloria Barcelo Cardoso da Rosa, responsável pelo BLH, explica que todas as mamães já têm alta do HNSC com uma consulta de retorno agendada. Nas consultas, além de serem avaliados o desenvolvimento do bebê e o processo de amamentação, também é disponibilizado o teste da orelhinha, feita por uma fonoaudióloga especializada. “Dependendo da situação, a equipe responsável por prestar o atendimento encaminha o bebê e a mamãe para um especialista”, ressalta. 
Um dos objetivos das consultas de retorno ao Banco de Leite é incentivar o aleitamento materno, compromisso do HNSC como ‘Hospital Amigo da Criança’, título concedido em 2001 pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef). “Sempre trabalhamos com o compromisso de garantir a amamentação na primeira hora após o nascimento do bebê. A consulta de retorno também é uma forma de avaliarmos como a mamãe está amamentando seu bebê e orientá-la nas dúvidas que possam surgir”, frisa a enfermeira. 
Oriundos de Sangão, há cerca de 26 quilômetros de Tubarão, Marciel e sua esposa Juciane trouxeram o filho Manassés hoje ao HNSC. Após consulta, voltaram para casa satisfeitos ao saberem que está tudo bem, inclusive com a amamentação do bebê. Karina, de 16 anos, também veio do município de Sangão e trouxe a pequena Magda para a consulta. 
 

IMAGENS